Letra:Tadeu Martins
Música: Lenin Nunes
 
Intérprete: Lenin Nunes

Rosalina tu levas de mim
Estas cores regadas na frente
Porque a vida que tens não tem flores
Pra dispores do roubo inocente

Essa rosa que foge contigo
Tem um tom que compõe a tristeza
Junto ao pardo matiz do pão velho
Com ausência de luz em tua mesa

Rosalina ladrona menina
Tua mão tem perdão “colorida”
Mas que pena teu sonho descora
Porque a fome cinzenta tem vida

Ainda ri o rodado das cores
Sobre o vento que a roda cambraia
São pedaços de paria e de dama
Pelas flores pendida na saia

A esmola ganhada te oprime
Pelas grades que prendem jardins
No entanto teu riso é sublime
Quando roubas as flores de mim

Teclados: Dúnia Elias
Acordeon: Leandro Rodrigues
Oboé: Paulo Sudhaus
Arranjo: Coletivo