Letra de Domício Felipe M. Junior e Música de Rodrigo Martins, Porto Alegre – RS

- E aê, dosmeu, na boa?
– E aê, Grillo?
– Tudo tranqüilo?
– Tamô aê na atividade.
 
Tranquilo e sereno que nem baile de moreno.
E nunca aos “tranco” que nem baile de branco.
 
Pode crer, essa é a lei.
 
Sereno. Tranquilo na situação. Sereno e na atividade.

Tranquilo, sereno
Baile de moreno

Festa de santo
Mesa dos inocentes
Baile do satélite
Essa noite eu vou lá

Festa de exu
Mesa de boteco
Baile no Ricardo
Pega mais uma no bar

Tranqüilo , sereno
Baile de moreno

Sereno não é chuva
Muito menos precipitação
Precipita perde a hora
E também a razão
Moreno não é negro, não me vem com essa não
Não, não, não!

Tô tranqüilo
Estou de olho na movimentação
Esperando a melhor, melhor situação
 
Moreno não é negro não vem com essa não
Não, não, não!

Festa de santo
Mesa dos inocentes
Baile do satélite
Essa noite eu vou lá

Festa do exu
Mesa do boteco
Na descida da Borges
A Restinga vai tá lá

Tranquilo, sereno
Baile de Moreno

Grupo The Dancing Demons
Voz: Domicio Júnior
Bateria: Rodrigo Martins
Baixo: Jatir Viegas
Guitarra: Arnaldo Lazaro
Percussão: Iaponira Carvalho

TRANQUILO E SERENO
Classificado como: