(Beth Kriegerr eMarco Araújo)
Interprete: Marco Araújo

Como pedra à beira do caminho
todas as palavras do meu coração
Natureza reza rima vida luta lida
numa lua louca e nua
sobre o mar
Mboitatá na mata ferro em brasa
cancha reta estrada torta
juventude e solidão

E a milonga é longa garantia
que sobrou daqueles dias
de fartura e ilusão
E a canção da terra prometida
dividiu toda a torcida
num domingo de gre-nal

Correnteza leva livre o sonho
e a brisa leve a vela e o cheiro
das manhãs no litoral
Carne gorda gaita grito dança
pau de fita azul e branca
canha pura e chimarrão

E a cidade é a prova da verdade
que a fumaça negra invade
 
fome brava e rock and roll
 
E o trigo é o trem da economia
e o velho orgulho farroupilha
foi a prenda que restou

Universo verso amor e drama
e no reverso desta trama
um Quintana e o carnaval
Rei do Congo ginga noite clara
quero-quero uma quimera
e a primavera no Taim

E a milonga é longa e não termina
e a esperança é o fim da linha
dos meninos do Bonfim
E a canção do dia se fez trilha
perseguindo a Estrela Guia
e a intenção de ser feliz

Sax: Luisinho Santos
Bateria: Cesar Audi
Violão: Heleno Gimenez