(Mauro Moraes)
Intérprete: Neto Fagundes

Vou aproveitar que a maré,
Anda fazendo folia,
Verificar se o pesqueiro pesado,
É um sinal;
–Vai dar bom dia!!!
Vida avisa que o barco vem vindo, sorrindo,
Pra o nosso bem…
Pela afobação do proeiro
O pesqueiro deu sorte e vem que vem
Abrindo os braços um pouco,
Se faz um porto,
E tudo bem!!!
É temporada de pescar amor,
De festa, de cantoria,
 
Vou jogar tarrafa no mar e gritar:
–“Boas vinda, tainha”
Linda veja que tempo bonito,
Tão lindo que reluz!!!
E se o mar fosse de beijos, amor,
Beberia essa luz…
Apura o passo mimosa,
A praia é nossa,
De mais ninguém…
O maricá reflorido,
“Tá” mesmo um mimo,
“Vem-cá-vê”…
É canoa que passa,
E espalha graça nas ondas,
Que fazem rima com as gotas,
Do nosso olhar!!!
É poesia que lida,
Com a maresia, que ainda,
Respira a doce delícia,
Do nosso mar!!!
 

Percussão e Vocal: Ernesto Fagundes
Teclado: Vitor Peixoto
Percussão: Chicão Dorneles
Baixo: Renato Mujeiko
Acordeon: Paulinho Cardoso
Violão: Mauro Moraes
Arranjo: Vitor Peixoto