Letra: Lúcio Soares
Música: Carlos Catuípe
Intérprete: Cléia Gomes

Nesta noite abençoada
Nos receba por favor;
Nosso terno traz na alma
Um canto cheio de amor
Pra louvar o Rei Menino,
Senhor Nosso Redentor.

Nesta casa tão mimosa
Luz fulgente apareceu
Pra receber os Reis Magos
Pois licença concedeu
O senhor dono da casa
Que tão bem nos recebeu.

Luziu tão cheia de graça
Esparzindo viva luz
Sobre a santa manjedoura
A estrela que traduz
A sagrada profecia
Do nascimento de Jesus.

Não importa a oferenda
Que venha de coração;
Meu senhor dono da casa,
O que vale é a intenção.
Em nome da Virgem Maria,
Aceite nossa gratidão.

Nossa hora está chegada,
Deixo aqui os parabéns
Pra esta gente tão bonita
Que acolhe como ninguém.
Este Terno se despede
E volta no ano que vem.

REI MENINO
Classificado como: