Decidi fazer um samba

Que eu não sou de brincadeira

Convocando a malandragem pra sambar a noite inteira

Que essa vida é uma passagem e o mundo queira ou não queira

A alegria é estandarte da cultura brasileira
É na corda do cavaco que a alma chora

É no toque do pandeiro que o coração bate

No gingado da morena ele pula pra fora

E decisão de brasileiro não termina empate
Quem não sabe do ditado

Não se meta na custura

Que esse sambra brasileiro se resume na mistura

De sangue do mundo inteiro

Resultando uma cultura

Que agarra na mão do negro e vai além da raça pura

DECISÃO DE BRASILEIRO
Classificado como: